Junho 30, 2021 getLISBON 2Comment

Hoje propomos-lhe explorar o fado Velha Tendinha, um tema que nos lança pistas sobre a população de Lisboa e as suas vivências que vale a pena observar. Após a realização do artigo A Tendinha, Velha Taberna nesta Lisboa Moderna era imperativo olhar com mais detalhe este célebre fado dos anos 30 que não se esgota numa homenagem a este então já antigo estabelecimento. Velha Tendinha da Revista Zé dos Pacatos Teatro Apolo in Occidente Março 1884; Coplas da revista Zé dos Pacatos; Hermínia Silva em 1939 O fado Velha Tendinha foi composto para um quadro da revista Zé dos Pacatos,…

Junho 16, 2021 getLISBON

A Tendinha deve ser o único estabelecimento comercial que anuncia ter menos tempo de existência do que na verdade tem. Porquê? Não sabemos, mas iremos revelar muitas outras curiosidades que vai gostar de conhecer.  A Tendinha Situada em pleno Rossio, junto ao Arco do Bandeira, como reza a canção Velha Tendinha, é um dos mais antigos estabelecimentos comerciais de Lisboa. Sobre a porta, no lugar onde outrora existiu uma janela, um painel de azulejos coloridos anuncia a data da fundação, 1840. No interior, mais azulejos a azul e branco reforçam esta informação… mas não é bem assim! Num anúncio publicitário…

Maio 19, 2021 getLISBON

Nos meses de Maio e Junho, tempo das cerejas e das suas parentes ácidas, as ginjas, lembrámo-nos de lhe falar da Ginjinha, a típica bebida alfacinha. Em Lisboa existem estabelecimentos especializados na produção e venda deste apreciado licor, tendo o mais antigo cerca de 180 anos de história. Esta tradição está longe de ter os dias contados e tem vindo a ser cada vez mais valorizada. Por isso, vamos imergir nesta bebida doce, de rótulos atractivos, que inebria o centro da cidade em peculiares lojas históricas. Vai uma Ginjinha?… Com ou sem elas? Ginjinha, o Licor de Ginja A Ginjinha…

Janeiro 13, 2021 getLISBON 2Comment

A torrefacção de cafés Flor da Selva é o espaço industrial histórico que hoje o convidamos a conhecer. Deixe-se envolver pelo seu intenso e perfumado aroma. A cultura do café é intrínseca à população da cidade de Lisboa. O forte hábito do seu consumo está presente nas inúmeras pastelarias e cafés, onde as “bicas” dão energia e coragem para enfrentar os dias e a qualquer hora acompanham doces e salgados ou  rematam refeições…   Os cafés históricos, locais de convívio e tertúlias dos intelectuais dos séculos passados, continuam hoje a ser muito frequentados por nacionais e estrangeiros e imprimem um certo…

Janeiro 3, 2021 getLISBON

Artigo revisto e actualizado. Sabe que actualmente são 11 os coretos de Lisboa? Que lugar cabe a estas curiosas estruturas que podemos encontrar espalhadas um pouco por toda a cidade? Os coretos são usados nas festas populares e em eventos pontuais e constituem sobretudo, marcos de memória e de referência dos cidadãos como vimos em História dos Coretos, Memórias de Liberdade e Identidade. O Verão é tempo de festividade, de viver a rua e os espaços abertos e festa não é festa sem música. A música está nas ruas de Lisboa em festivais de rock, jazz, fado e música erudita,…